Site Exclusivo do Cooperado Saúde Sempre Online
Unimed Online Unimed Belo Horizonte
 

13 de maio de 2011 - Edição nº 48

Trabalho Médico

Saiba como gerir o seu consultório de acordo com as exigências da vigilância sanitária

Para orientar os cooperados na gestão do consultório, diante das exigências legais e sanitárias, e garantir a oferta de uma assistência de qualidade ao cliente, a Unimed-BH está aprimorando o seu Projeto de Qualificação dos Consultórios Médicos. Desde o segundo semestre de 2010, as visitas técnicas realizadas pela Cooperativa fortaleceram seu foco na oferta de suporte ao médico na adequação do seu local de atendimento. No ano passado, 2.065 consultórios de cooperados foram visitados.

Cinco enfermeiras da Unimed-BH, que atuam como analistas da qualidade, são responsáveis pela realização das visitas técnicas e avaliam, com base nas legislações municipais, estaduais e federais, os processos de esterilização, desinfecção e limpeza; estrutura física; manutenção, equipamentos e documentação obrigatória. “Nossa presença no consultório é fruto da parceria assumida pela Unimed-BH com o cooperado para apoiá-lo no melhor gerenciamento dos processos”, explica Alessandra Lima, que faz parte do Núcleo da Qualidade da Gestão de Relacionamento com o Cooperado.

Após a visita, a equipe classifica o espaço em três categorias: A, B e C. Os consultórios nível C são aqueles onde foram identificados questões que devem ser ajustadas às normas de vigilância sanitária. Neste caso, a Unimed-BH orienta o cooperado sobre as adequações necessárias e, em um prazo máximo de 90 dias, a analista da qualidade visita novamente o consultório, que pode ser reclassificado.

“Ao realizar esse acompanhamento, queremos garantir que o local de atendimento do cooperado esteja de acordo com as normas e seja bem avaliado quando for abordado pelos órgãos fiscalizadores”, completa Alessandra Lima. Os cooperados que atendem nos consultórios classificados com conceito A e que apresentam as documentações legais recebem o Certificado de Qualidade Unimed-BH.

Orientação. Quem recebeu a visita recentemente e fez uma avaliação positiva do trabalho é a dermatologista Vanessa Barreto Rocha. Para a cooperada, que sempre realizou consultas eletivas em clínicas e, neste início de ano, passou pelo processo de abertura de seu próprio consultório, as orientações recebidas foram fundamentais. “Com a visita, passei a conhecer melhor detalhes das exigências de vigilância sanitária, como a necessidade de ter um caderno para fazer o controle da limpeza da geladeira, além da maneira correta de fazer o gerenciamento do lixo. A presença da analista da qualidade me deu segurança para fazer as adequações necessárias no consultório”, afirma.

Saiba como agendar uma visita

O cooperado que ainda não recebeu a visita técnica, que mudou de consultório, alterou algum processo ou que sentir necessidade de uma orientação sobre adequação às exigências legais pode marcar uma visita da equipe de qualidade. O agendamento pode ser solicitado pelo telefone 3229-6124 ou pelo e-mail grco.nuq@unimedbh.com.br.

As visitas são conduzidas com base em um roteiro específico por especialidade e duram, em média, 30 minutos. O cooperado não precisa estar presente no consultório para acompanhar a analista da qualidade, mas é preciso que autorize um responsável a assinar o relatório da visita.

A apresentação das documentações exigidas por lei – Alvará de Localização, Alvará de Vigilância Sanitária, PGRSS, CNES – não são premissas para a realização da visita técnica. Se houver necessidade, os documentos podem ser providenciados e encaminhados posteriormente ao Núcleo da Qualidade.

Edições Anteriores
Outras Notícias